sábado, 22 de novembro de 2008

O NAVIO CONSERTADO

Nós, os crentes, gostamos de pregar o Evangelho, mas não temos o devido cuidado com os novos convertidos. É comum vermos pessoas sem doutrina nas igrejas, e isso nos faz lembrar os navios que vêm para o cais avariados. Eles são rebocados para o estaleiro e precisam ser consertados, para então navegarem satisfatoriamente.
O novo convertido é como o navio avariado: a doutrina opera nele como o conserto opera no navio. Bom concerto -boa navegação; boa doutrina - boa vida cristã.
"Como nada, que útil seja, deixei de vos anunciar, e en¬sinar publicamente e pelas casas" (At 20.20).

Textos extraídos do livro: Ilustrações Selecionadas – Org. Aucides Conejero Perez, Rio de Janeiro, CPAD, 1985.