segunda-feira, 24 de novembro de 2008

Aborto

Salmo 139. 13-20

Leitura diária
S- No Ventre Materno- Jó 31. 15
T- As Mãos Divinas- Sl 119. 73
Q- Providência Divina- Sl 22. 9-10
Q- Motivo do Louvor- Sl 71. 6
S- Mistério da Gestação- Ec 11. 5
S- Chamado Eficaz- Is 49. 1-5
D- Eleição Divina- Jr 1. 1-5

O dilema do aborto tem se tornado cada dia mais importante para a nossa sociedade a medida em que a liberação sexual se torna cada vez maior e o feminismo ganhando cada vez mais adeptos. Tais fatos, infelizmente, atuam também dentro da igreja fazendo com que muitos crentes assumam conceitos mais liberais. É muito importante, portanto, que nós nos fundamentemos nas Escrituras e que nos posicionemos contra esse mal de nossa sociedade.
PARA REFLETIR
Nas guerras do Vietnã e da Coréia mataram 50.000 soldados Norte Americanos; A 1ª Grande Guerra Matou 125.000 soldados (EUA) e a 2ª Guerra, 550.000. O aborto matou nos EUA 12.000.000 ( dados da década de 80).
1.O Feto É Uma Vida Humana
Existe muita polemica quanto a época de início da vida humana. Os que militam a favor do livre aborto tentam provar que a vida só tem início no nascimento e que o feto, enquanto em sua situação intra-uterina, é apenas parte de sua mãe, sem individualidade própria. Segundo essa argumentação, seria perfeitamente lícito a mãe praticar o aborto, já que é parte de seu corpo e não uma pessoa. Tanto as Escrituras como a ciência mostram a falência dessa linha de raciocínio.
O novo indivíduo quando fecundado já possui características como: cor de cabelo, aptidões intelectuais, etc... Com 6 a 7 semanas de gestação o feto tem já função cerebral; com 8 semanas tem dedos com impressões digitais, na semana seguinte, movimenta-se. É justamente nesta época que são feitos, em geral, os abortos. Não é, de modo algum, científico dizer-se que o ser em desenvolvimento, a partir da concepção, não é ainda uma vida humana.
A Bíblia afirma que antes do nascimento a pessoa já é conhecida de Deus - Jr 1. 5; Is 49. 1.
2.O Aborto ë Um Homicídio
Se acreditamos que o feto é uma vida humana (e assim cremos) e que o aborto causa a sua morte, temos que concluir que o aborto é um crime de homicídio. Só Deus detém o poder sobre a vida e a morte. Quem pratica o aborto está, tal como Satanás, arrogando para si o direito de atuar como Deus, independentemente de seu criador.
Em muitos países o aborto é permitido. No Brasil só em casos especiais como os de estupro ou em casos em que se sabe que a criança não tem condições de sobreviver ou não levará uma vida normal.
CONCLUSÃO
Uma gravides, pôr mais inicial que seja, representa o início de uma nova vida, o desenvolvimento de uma nova pessoa. Só a Deus cabe a decisão de vida e morte dessa existência.
Para Discutir
1.Qual a sua opinião pessoal sobre o aborto?
2.Você acha que crianças deficientes que levariam uma vida anormal deveriam ser abortadas?
3.Como impedir o crescente número de abortos e conscientizar os pais de que o aborto é um crime?