segunda-feira, 26 de novembro de 2012

Carta Com Notícias dos Missionários Presos no Senegal (22/11/2012)


Graça e paz, amados em Cristo.
Mais uma semana está findando, e infelizmente ainda não temos a tão esperada liberação de nossos irmãos.
Esta foi uma semana de muitas expectativas e surpresas do Senhor. Na terça-feira, tivemos a bênção de podermos passar duas horas com eles, Marli pode ter um tempo com José Dilson e Marilia com Zeneide. Foi precioso poder conversar um pouco mais, saber como estão no dia a dia, ouvi-los, orarmos juntos. Ambos disseram que Deus tem dado a graça, mas que estão se sentindo bastante cansados porque não conseguem dormir bem, estão sempre em estado de alerta, e isso está desgastando muito as emoções.
Com a visita da comissão de parlamentares, abriu-se pela primeira vez uma oportunidade para que eles fossem ouvidos pelo diretor do presídio. Foi um momento de testemunho sobre o trabalho, e o diretor disse que conhecia somente as informações contidas no processo e que por sinal, bem diferentes do relato que agora passava a tomar conhecimento. Se comprometeu em enviar um relatório pessoal ao juiz pedindo clemência para ambos. Oremos para que ele realmente cumpra esta promessa e que isto some para a decisão das autoridades.
Zeneide também recebeu autorização para ligar para a família e foi maravilhoso para aqueles que estão acompanhando de longe com tanta expectativa.
Quanto aos advogados e o juiz, não temos nada de novo. O juiz retomará as atividades na segunda, e esperamos que possa retomar as atividades relativas aos nossos irmãos. Oremos para que ele seja inquietado a conduzir o mais rápido possível o processo.
Na última reunião de oração dos missionários em Dakar, foi considerada a possibilidade de um levantamento de recursos para que um dos filhos da Zeneide possa vir ao Senegal. Louvamos a Deus e agradecemos a todos vocês por esta atitude de amor para com eles. Ao saberem desta iniciativa, todos da família ficaram muito emocionados e estarão decidindo quem vem e providenciando os documentos na próxima semana.
Também chegará ao Senegal amanhã um psicólogo vindo dos Estados Unidos. Este irmão tem desenvolvido seu ministério dando assistência a missionários que enfrentam situações como esta de nossos irmãos. O Objetivo é estar com eles, a família e a equipe. Nossa oração é para que este irmão seja um instrumento do Senhor para fortalecer José Dilson e Zeneide, que estão se demonstrando muito abatidos nos últimos dias, bem como a família próxima.
Oremos também pelos familiares da Zeneide que estão longe e igualmente sofrem pela sua querida.
Continuem a interceder pelas crianças do projeto Obadias, para que sejam fortalecidas no Senhor e se sintam seguras mesmo em meio a este momento de tantas mudanças.
Família missionária, não temos palavras para agradecer tanto carinho e cuidado. Louvamos ao Senhor por suas vidas.

Grande abraço a todos.

Em Cristo,

Gerson e Marilia